Nossa História,
por Guilherme

Sou natural de Campinas, morei boa parte de minha vida em São Paulo, e vim morar em Santos há 10 anos, quando precisei cuidar de meu pai, na época com 92 anos, e vítima de um AVC. Como ele só tinha a mim para cuidar dele, com muita dedicação, fisioterapia e uma comidinha caseira, ele se recuperou plenamente. Entretanto, as cataratas prejudicaram muito sua visão e ele resolveu operá-las. Passou a enxergar muito bem, lia o jornal todas as manhãs, e após um tempo, resolvi mostrar para ele como jogar paciência no computador. Ele não só se interessou, como aprendeu, e com 93 anos passava horas jogando paciência… Aí o médico deu uma bronca, pois ele reclamava da vista cansada, e a culpa era do tempo todo usando a máquina… Infelizmente ele veio a falecer em 2008, e no mesmo ano ganhei uma cachorrinha yorkshire que passou a me fazer companhia e a me obrigar a passear com ela todos os dias, socializando muito na praia, onde conheci várias pessoas, na sua maioria, IDOSOS.

Nos nossos bate-papos descobri que poucos usavam o computador, a maioria por medo, ou por não saber usar, ou ainda por não ter pessoas mais jovens interessadas em ensiná-los. Lembrando de meu pai e suas horas gastas no computador, pensei que talvez fosse interessante criar um site voltado para a última infância, como prefiro chamar meus colegas da “terceira idade”. Além dessa ideia, um fato foi fundamental: tenho um amigo que já me enviou aproximadamente 3000 e-mails. Aí eu abria, via aqueles vídeos ou mensagens maravilhosas e pensava: deve haver uma maneira de divulgar isso para mais pessoas do que as que estão na minha lista de e-mails. Eu sempre o homenageio em publicações no site, já que sua contribuição é contínua e frequente… Com a ajuda de minha mulher, criamos o esqueleto do site, e o desenvolvemos para ter espaço para contar histórias, piadas, poesias, dança de salão, espaço PET, viagem e hospedagem, saúde e bem estar…

Pensei em criar algo que tirasse um pouco a solidão da última infância, inserindo o idoso ou a idosa num contexto digital para que se sintam incluídos e não excluídos como acabamos sendo, pelos mais jovens teclando seus celulares moderníssimos sem parar, ou utilizando seus tablets, sem sequer conversar à mesa como se fazia antigamente – se concentram em seu mundo digital e esquecem de todas as outras pessoas. Pensei que talvez eu pudesse replicar o que fiz com meu pai para mais pessoas. Esta é a finalidade do site: divertir, informar, proporcionar momentos prazerosos, entreter e divulgar conhecimento.

Preciso contar uma experiência única que vivi em Dezembro/2013: participei de uma formatura de um projeto voltado para a terceira idade, numa escola que está dando cursos de Informática, Inglês e Espanhol para esse público. Acho que foi a primeira vez na minha vida que vi na mesa diretora da formatura, pessoas que tinham a metade da idade dos formandos… Foi maravilhoso!!!

Planos para o futuro? Em junho vimos as manifestações dos jovens, que gritavam: “Vem pra rua”, mobilizando milhares e milhões nesta causa. Eu penso que não tenho mais idade para esse tipo de mobilização, mas posso fazer minha parte dizendo “Vem para a inclusão digital, vem abrir seus horizontes, vem conhecer novos mundos, novas ideias, novos aprendizados, VEM!!!”

fvl4Fotografia de Fundação Victório Lanza

Guilherme Gargantini

Alô você, que é da nossa turma! Este site é dedicado à diversão e inclusão digital de todos que chegaram à última infância, como preferimos chamar a Terceira Idade!!!

Aqui você encontra tutoriais básicos de tecnologia, dicas de saúde e diversão. Seja um Divertinauta e divirta-se viajando pelo mundo através da internet. Use o Divertidosos como uma nave espacial, escreva, conte sua história, mande sua poesia, sua piada, conte o seu dia a dia. Participe!


62 Comentários

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.